ACP fortalece luta contra prorrogação do pedágio

A bandeira da Associação Comercial do Paraná contra a prorrogação dos atuais contratos de pedágio por mais 15 anos ganhou impulso, na sexta-feira (1º), durante comemoração dos 121 anos da entidade. O presidente em exercício, Sinval Lobato, anunciou que a ACP vai promover uma reunião no próximo dia 12, para discutir a forma como a questão será conduzida.

No encontro, o ex-presidente da casa, Jonel Chede, também reiterou o risco que o Paraná corre de sofrer um apagão logístico no ramo dos modais e disse “que não adianta querer resolver os problemas de transporte rodoviário ou de exportações pelos portos, sem a solução do impasse do pedágio”. Ele ainda apresentou dados do Sindicato e Organização das Cooperativas do Paraná (Ocepar) que dão conta que só o transporte de grãos, uma das principais atividades econômicas do estado, desembolsou R$ 1,76 bilhão para pagar tarifas de pedágio entre 1997 e 2010. Participaram do evento, ex-presidentes e diretores da entidade, que lembraram as premissas do seu fundador, Barão do Serro Azul, na defesa do livre comércio.

Créditos: Felipe Rosa 

Créditos: Felipe Rosa  Créditos: Felipe Rosa  Créditos: Felipe Rosa  Créditos: Felipe Rosa  Créditos: Felipe Rosa 

Créditos: Felipe Rosa  Créditos: Felipe Rosa  Créditos: Felipe Rosa  Créditos: Felipe Rosa  Créditos: Felipe Rosa 

Créditos: Felipe Rosa  Créditos: Felipe Rosa  Créditos: Felipe Rosa  Créditos: Felipe Rosa  Créditos: Felipe Rosa 

Créditos: Felipe Rosa  Créditos: Felipe Rosa  Créditos: Felipe Rosa  Créditos: Felipe Rosa  Créditos: Felipe Rosa 

Créditos: Felipe Rosa  Créditos: Felipe Rosa