Campanha ajuda a elevar vendas no Dia das Mães

A Campanha do Dia das Mães, da Associação Comercial do Paraná (ACP) e a previsão de crescimento nas vendas da data, frente a igual período do ano passado, são tema da matéria “Comércio espera vendas 14% maiores neste Dia das Mães”, publicada nesta quarta-feira (4/05), na página 20, sessão de Economia, da Gazeta do Povo,  e assinada pelos jornalistas Cristiane Rios e Derek Kubaski com agências.

O presidente Edson José Ramon ressalta que apesar das medidas de restrição ao crédito adotadas pelo governo federal desde o fim do ano passado, o varejo espera um bom desempenho de vendas no Dia das Mães.

De acordo com a matéria, a projeção considerada “ousada” pelo presidente da ACP, leva em conta o ritmo que o varejo vem sustentando desde o início do ano – no primeiro trimestre, as vendas em Curitiba cresceram 8% em relação a igual período de 2010 – e também a Campanha do Dia das Mães.

Até 15 de maio, o cliente que gastar R$ 50 tem direito a uma cartela para concorrer a prêmios instantâneos e ao sorteio de um carro zero e duas motocicletas. “Se não fosse pela campanha, nós acreditamos que o crescimento estaria em torno de 7% a 8%”, afirma o presidente.

Ainda de acordo com um levantamento da ACP roupas, sapatos e acessórios devem liderar as vendas, respondendo por cerca de 30% dos presentes, seguidos por flores (16%), celulares e smart­phones (14%), eletrodomésticos (13%), perfumaria e cosméticos (11%), eletrônicos (5%), joias e relógios (3%), chocolates e doces (2%) e utilidades domésticas (2%). O tíquete médio para o Dia das Mães deve ficar em R$ 140.