Comércio retoma crescimento em outubro e mira Natal

Aumento de 4% nas vendas gera otimismo para novembro. Contratações cresceram 2%.

Após apresentar queda de 1,7% durante o mês de setembro, o comércio curitibano retomou o crescimento em outubro, aumentando as vendas em 4%. A pesquisa do Instituto Datacenso foi contratada pela Associação Comercial do Paraná (ACP) e entrevistou 200 comerciantes e 200 consumidores nos dias 5 e 6 de novembro. Na comparação com outubro de 2011 o crescimento foi de 1%.

O bom desempenho, explicado principalmente pelas vendas do Dia das Crianças, contribuiu para o otimismo do setor. A queda da média mensal de inadimplência também chamou a atenção em outubro. Os dados indicam o recuo de 7,3% para 6%, comprovando a maior cautela do consumidor, que nos últimos meses contribuiu para a redução progressiva das dívidas.

Os números mexeram com o ânimo do comércio. De acordo com a pesquisa, gerentes e proprietários dos estabelecimentos estimam crescimento de 7% durante o mês de novembro. Segundo o coordenador da pesquisa, Cláudio Shimoyama, as festas de fim de ano, aliadas ao 13° salário e gastos com as férias, garantem a forte movimentação na reta final do ano. A pesquisa também constatou o crescimento de 2% no número de funcionários dos estabelecimentos, comprovando a necessidade de mão de obra temporária.

Os itens mais citados pelos consumidores curitibanos nas compras não habituais em outubro foram roupas e acessórios (36%), calçados (24%), celulares e smartphones (9%) e utilidades domésticas (7%). O valor médio gasto com as compras no período ficou em torno de R$ 552.