Geara defende posição da ACP na Câmara Municipal

O coordenador do Conselho Político e vice-presidente da Associação Comercial do Paraná (ACP), Gláucio Geara, representou a entidade nesta terça-feira (27) na Câmara Municipal, na sessão plenária que aprovou em segunda discussão a proposição 0015.00148.2010, instituindo o feriado municipal do Dia da Consciência Negra (20 de novembro).

Geara, que teve a permissão de falar aos vereadores reunidos em plenário com a finalidade de expor os pontos de vista da ACP, como entidade de classe do setor empresarial, advertiu os membros do legislativo sobre os prejuízos financeiros que os dias feriados provocam ao comércio, indústria e serviços, com a interrupção das atividades.

O vice-presidente afirmou, ainda, que a entidade “não é contrária ao Dia da Consciência Negra e ao reconhecimento dos méritos de quaisquer etnias, mas tem a responsabilidade de advertir que mais um feriado num calendário repleto deles, certamente vai contribuir para o aumento das perdas financeiras dos empreendimentos, comprometendo seu desempenho na geração de emprego, renda e tributos”.