Gleisi recebe troféu Mulher Simplesmente Mulher

Ministra paranaense é homenageada pela ACP 

A ministra-chefe da Casa Civil da Presidência da República, Gleisi Hoffmann, recebeu nesta quinta-feira (8), em almoço no restaurante Madalosso, em Santa Felicidade, o troféu “Mulher Simplesmente Mulher 2012” em comemoração ao Dia Internacional da Mulher. Mais de 800 pessoas prestigiaram o evento.

Justificando a escolha da ministra, o presidente Edson José Ramon enfatizou “a iniciativa sábia e inteligente do Conselho da Mulher Executiva”, lembrando também que ao receber a homenagem a ministra representava todas as mulheres que “lutam para transformar sonhos e anseios em realidade”. Ramon enalteceu, ainda, a vocação para a atividade política demonstrada por Gleisi desde a militância no movimento estudantil.

Depois de atuar na administração estadual em Mato Grosso do Sul, na prefeitura de Londrina e como diretora de Itaipu Binacional, Gleisi foi eleita para o Senado em 2010. Pouco meses depois da posse, a presidente Dilma Rousseff convidou a primeira senadora paranaense para assumir a chefia da Casa Civil, confiando a ela uma posição estratégica na coordenação do projeto para o crescimento do País.

Gleisi agradeceu a homenagem, que fez questão de repartir com todas as paranaenses, conclamando-as a prosseguir lutando pelo inteiro reconhecimento dos direitos da mulher, assim como por uma sociedade justa e igualitária. “Grandes sacrifícios foram feitos em muitos países, inclusive no Brasil, mas a discriminação contra a mulher ainda existe”, assegurou. Um aspecto dessa luta, segundo Gleisi, está no trabalho não remunerado feito pelas mulheres, na condição de esposas, mães, companheiras e organizadoras da casa. “Estudo feito pela ONU” – revelou – “mostra que se esse trabalho fosse remunerado o Produto Interno Bruto global seria acrescido em 30%”. 

Citando as conquistas sociais que o governo federal tem alcançado no combate à pobreza, a ministra lembrou a atenção dada às mulheres e crianças, sobretudo nas áreas de saúde e educação. “Um dado importante liberado recentemente mostra que 7% da população saíram da pobreza no ano passado”, disse. Revelou também que um exemplo da capacidade feminina está na ação do Conselho da Mulher Executiva da ACP, “do qual participei com muito orgulho”, que criou mais de 50 conselhos nas associações comerciais do interior.

A ministra Gleisi Hoffmann recebeu também a saudação de Marlene Wiedermann, vice-coordenadora do Conselho da Mulher Executiva (CME).