Impostômetro fecha 2012 em R$ 1,56 trilhão

O impostômetro localizado na fachada do prédio da Associação Comercial do Paraná (ACP), na área central da cidade, alcançou a cifra de R$ 1,56 trilhão em 2012. A marca reúne o total de impostos federais, estaduais e municipais recolhidos pelo contribuinte brasileiro ao longo do ano. No dia 28 de dezembro o marcador já havia batido R$ 1,5 trilhão com um dia de antecedência em comparação com 2011.

O primeiro impostômetro foi instalado em 2005 pela Associação Comercial de São Paulo (ACSP), na gestão do presidente Afif Domingos, providência tomada pela ACP pouco tempo depois. A finalidade é conscientizar a sociedade do valor financeiro da carga tributária anual, chamando a atenção para a precária contrapartida dos serviços públicos oferecidos à população.

A iniciativa apoiada pelas entidades representativas do setor produtivo, dentre as quais a própria ACP, reivindicando a aprovação do projeto de lei que torna obrigatória a discriminação dos impostos nas notas fiscais emitidas pelo fornecedor, é também um reforço significativo no processo que visa alertar o consumidor para o peso dos impostos sobre produtos de consumo diário.