Impostos arrecadados no país chegam a R$ 1 trilhão nesta terça

O impostômetro, instalado da Associação Comercial do Paraná (Rua XV de Novembro, 621), registrará nesta terça-feira, dia 26/10, às 12h30, R$ 1 trilhão de impostos federais, estaduais e municipais pagos pelos brasileiros desde o primeiro dia deste ano. Em 2009, o valor foi atingido 50 dias mais tarde, em 15 de dezembro. E em 2008, no dia 14 de dezembro.

Segundo Edson Ramon, presidente da ACP, “é inexplicável que o governo não possa investir fortemente em setores fundamentais para a população brasileira, como infraestrutura, saúde, educação e segurança. Além disso, defendemos a urgente desoneração tributária, pois a alta carga de tributos é um obstáculo à maior produção”. Até o final de 2010, deverão ser arrecadados R$ 1,2 trilhão. Para João Eloi Olenike, presidente do IBPT, a incidência tributária contribui para esse aumento da carga tributária. Por exemplo, o ICMS, alavancando o crescimento de outros tributos como Pis e Cofins. “A arrecadação tributária está crescendo 14% ao ano nominalmente e, se excluída a inflação, fica próximo de 10%. Esse aumento da arrecadação está diretamente vinculado às características de cobrança dos tributos no Brasil”, disse.