Acesso a linhas de crédito para pequenos negócios com cartas de aval da Garantisul

Representantes da Agência Curitiba de Desenvolvimento e Inovação apresentaram à diretoria da ACP detalhes do Plano de Retomada Econômica, que foi instituído para ajudar a reduzir o impacto econômico da pandemia do Covid-19 nas empresas. Conforme a agência, são medidas de apoio ao empresário, manutenção de investimentos privados, Fundo de Aval para empréstimo, incentivo às compras de pequenos comerciantes e capacitação e apoio para a transformação digital dos negócios.

Um dos maiores obstáculos para quem tem um pequeno negócio é o acesso ao crédito financeiro daqueles empreendedores que precisam de um empréstimo, mas não tem garantia. Para auxiliar o empreendedor na retomada, o município aportou R$ 10 milhões na Garantisul, Sociedade de Garantia de Crédito (SGC) contratada pela Agência Curitiba de Desenvolvimento e Inovação para emitir as cartas de aval.

Desde seu lançamento, o Fundo de Aval de Curitiba já garantiu R$ 8 milhões a empresas da capital que precisavam de um empréstimo, mas não tinham garantia. Usando o Fundo de Aval, o pequeno empresário não precisa colocar um bem de sua propriedade como garantia.  O valor de R$ 10 milhões, inclusive, é o maior aporte já feito por um município do país em uma SGC e pode alavancar até R$ 100 milhões em empréstimos.

O Plano de Retomada é uma ação da Prefeitura de Curitiba em parceria com AECIC, FIEP, FECOMERCIO, ASSESPRO, ACP, Sebrae, Instituto Municipal de Turismo, Secretaria de Segurança Alimentar e Nutricional, Secretaria da Saúde, Secretaria de Planejamento, Finanças e Orçamento, Secretaria de Governo e Administrações Regionais e Agência Curitiba de Desenvolvimento e Inovação.

Conheça o passo a passo e as condições para obter empréstimo no site da Agência Curitiba de Desenvolvimento e Inovação:

http://www.agenciacuritiba.com.br/fundodeaval/