ACP | Associação Comercial do Paraná

Adolescentes recuperam fachadas de escola municipal

Um grupo de aproximadamente 20 adolescentes flagrados em crime de pichação nos últimos meses, participou na tarde de sexta feira (01) de uma ação de revitalização. A pintura aconteceu em muros e paredes da Escola Municipal Professor Eneas Marques dos Santos, no bairro Capão da Imbuia.

Encaminhados pela 49ª Vara Judicial de Adolescentes em Conflito com a Lei, os menores também assistiram palestra educativa, acompanhados de seus pais ou responsáveis.
“Acho importante a ação de conscientização que está sendo feita com meu filho”, disse o auxiliar de fundição Antônio Gonçalvez, pai de um adolescente de 17 anos que participou da atividade.

Morador do Sabará, na Cidade Industrial, Gonçalvez é pai de outros dois filhos. Ele falou sobre a importância em responsabilizar os jovens pelo crime que cometeram. “Acho certo que eles pintem as paredes e muros que picharam e também acho que eles mesmos deveriam trabalhar para arrecadar o dinheiro pago pela multa”, disse o pai. “É um valor alto para as famílias bancarem”, comentou.
Além das medidas protetivas, jovens e adultos flagrados pichando recebem multa no valor de R$ 1.693,84. Para quem comercializa tinta spray para menores de idade, a multa é de R$ 4.234,60. Em caso de reincidência, a multa é de R$ 8.469,21 e, na terceira punição, o alvará comercial é cassado.

A vice diretora da Escola Municipal Professor Eneas Marques dos Santos, Rosana Cristina Mueller, também aprovou a revitalização feita pelos jovens. “É uma iniciativa válida, que serve como exemplo e reflexão para eles”, disse. A escola conta com 630 alunos do ensino fundamental.

Despiche
A medida de despiche é uma punição socioeducativa e conta com o apoio do Ministério Público do Paraná, da Associação Comercial do Paraná (ACP), da Associação de Condomínio Garantidos do Brasil (ACGB), e das Secretarias Municipais de Defesa Social, Governo, Meio Ambiente, Trânsito, Cultura, Esporte Lazer e Juventude.

Desde o início do ano, já foram revitalizadas paredes e muros da Escola Municipal Ulisses Falcão Vieira, no Campo Comprido, e da Praça do Redentor (Gaúcho) e seu entorno, no São Francisco. Durante a ação educativa, além de realizarem a pintura, os adolescentes e seus pais assistem a uma palestra educativa ministrada pelo coordenador do projeto da Secretaria da Defesa Social, Marcelo Bozza. Estão previstas novas ações na Escola Municipal Professor Eneas Marques dos Santos, no Capão da Imbuia.

Fonte: ICNews