Nove dias antes que em 2016, Impostômetro registrará R$500 bilhões

Meio trilhão de reais. Esse é o valor total pago pelos brasileiros em impostos, taxas e contribuições só em 2017. A marca de R$ 500 bilhões será mostrada pelo Impostômetro da Associação Comercial de São Paulo (ACSP) entre segunda e terça-feira (21), e abrange o montante nominal de tributos – ou seja, sem descontar a inflação. Os valores são replicados pelo painel instalado na Associação Comercial do Paraná (ACP).
Em relação ao ano passado, o valor vai ser alcançado nove dias antes (o painel registrou R$ 500 bilhões dia 29/03/2016).

Para o presidente da ACSP e da Federação da Associação Comercial de São Paulo (Facesp), Alencar Burti, esse aumento arrecadatório de um ano para outro é um incentivo para que o governo federal descarte elevação ou criação de impostos. “Esse crescimento é sinal de que a recessão perde força e a economia começa a reagir. O controle de gastos e as reformas ajudarão a sanear as contas públicas nos próximos anos. Por isso, vemos como desnecessário qualquer aumento tributário, visto que isso retardaria a retomada da economia”, declara Burti.

No portal www.impostometro.com.br é possível visualizar, por exemplo, curiosidades e valores arrecadados por período, estado e município. O painel foi implantado em 2005 pela ACSP para conscientizar o cidadão sobre a alta carga tributária e incentivá-lo a cobrar os governos por serviços públicos melhores. Está localizado na sede da Associação, na Rua Boa Vista, centro da capital paulista.

Com informações da ACSP

Nove dias antes que em 2016, Impostômetro registrará R$500 bilhões