ACP | Associação Comercial do Paraná

Vendas do Dia dos Pais devem ser pelo menos iguais ao ano passado

Pesquisa ACP/ Datacenso realizada entre os dias 11 e 12 de julho, em Curitiba, indicou que as vendas motivadas pelo Dia dos Pais em 2018 devem permanecer estáveis com relação ao mesmo período do ano passado.

Um fator motivador são as promoções, tendo em vista que quase metade dos comerciantes curitibanos (46%) está preparando um atrativo para vender mais na data. As promoções mais citadas foram: desconto para pagamento à vista (49%), desconto para pagamento no cartão de crédito (19%), liquidação de produtos (15%), sorteio e distribuição de prêmios (15%), entre outros.

Apesar de fatores como a alta da inflação, aumento do dólar e dos combustíveis, 56% dos 200 comerciantes entrevistados estão esperançosos com as vendas para o Dia dos Pais.

Os consumidores, por sua vez, vão apostar em presentes tradicionais, pois a pesquisa mostrou que 60% pretendem dar artigos de vestuário, 24% utensílios e utilidades, 23% perfumes e cosméticos, 19% calçados, seguidos de almoço e jantares, livros e chocolates.

A estimativa média do valor que o consumidor pretende gastar na compra de Dia dos Pais, no geral, é de R$ 123,00, mesmo valor do ano passado.

Segundo Cláudio Shimoyama, CEO do Grupo Datacenso, os números apontados pela sondagem são “justificados principalmente pelos reflexos da greve dos caminhoneiros, que motivou a volta da inflação. Ainda devido à greve, houve uma queda na previsão do PIB para 2018, pelo Banco Central, passando de 2,6% para 1,6%, gerando insegurança para os comerciantes”, concluiu.