ACP | Associação Comercial do Paraná

Vendas para o Dia dos Pais tiveram queda real de 6,7%

Roupas, perfumes e calçados foram os presentes preferidos por 57%, 10% e 8% de consumidores curitibanos, respectivamente, na hora de comprar as lembranças para o último Dia dos Pais. A informação consta da pesquisa ACP/Datacenso que entrevistou 200 comerciantes e 200 consumidores entre os dias 15 e 17 desse mês, apurando que as vendas registraram crescimento nominal de 1,6% menor que o desempenho do comércio em período igual do ano passado.

A queda real (corrigida pela inflação de 8,73% acumulada nos últimos 12 meses) chegou a 6,7%. Em 2015 a queda nominal das vendas motivadas pelo Dia dos Pais havia sido de 9% em comparação ao ano anterior, com queda real de 17%, indicando a gravidade que a crise econômica atingiu na época.

A média de idade do consumidor varia de 18 anos a 45 anos, sendo que a renda familiar mensal oscila entre R$ 4.400 a R$ 8.400. As opções de pagamento mais utilizadas foram o parcelamento no cartão de crédito (36%), à vista no cartão (22%), débito no cartão (20%) e 18% com dinheiro.

O valor médio gasto pelo consumidor na compra do presente desse ano foi de R$ 116, um pouco maior do que os R$ 109 gastos em 2015.

A maioria dos comerciantes entrevistados pelo Instituto Datacenso (58%) constatou leve reaquecimento do mercado, mas se valeu da realização de promoções especiais, descontos para compras à vista e sorteio de brindes com a finalidade de estimular as compras.